12.7.13

Graxa em tempo de festivais


Estou?
Oláaaa, então como é que vai isso? Nem tens dito nada....
Ehhhr, na volta disse, mas para saber isso preciso é de saber quem fala...
Seu desnaturado, sou eu a Maria do Crava....
Ahhh, pois sabes como é, sempre a correr de um lado para o outro.
Pois é, tu agora corres, todo atleta o miúdo, deves estar em forma...
Por acaso, era correr em sentido figurado, mas sim isso também leva tempo.
Olha, uma coisa.
Diz...
Tu vais ao Alive?
Se calhar só no domingo, ainda estou a ver.
É que era giríssimo encontrarmo-nos lá e lembrei-me, como tu trabalhas com o Zé Mina dos Bilhetes e a Madalena da Empresa Saca Passes, se havia a possibilidade de....
....
Estou?
Desculpa, estava distraído, a possibilidade de, dizias...
Ah, eehhr, então se porventura tivessem aí um bilhete a mais, qualquer dia serve, dava-me um jeitaço e pronto, era uma oportunidade porreira.
Então, mas se o bilhete que eu te arranjar não for para domingo perdemos essa oportunidade giríssima de nos encontrarmos.
Pois...de facto...mas tens esse bilhete?
Não, era um suponhamos.
Só tens para domingo então?
Tenho.
Fixe, então e como combinamos, lá à porta?
Ah, mas sempre tens bilhete? É que eu só tenho para mim...
Não estou a perceber...
Eu também não.
Pronto, então se calhar depois diz-me qualquer coisa se tiveres...
Mando-te um Kolmi, pode ser?
Um quê?
Nada, nada, beijinhos, vamos falando.
Beijo, não te esqueças de mim.
Estou a escrever isto para não me esquecer.

7 comentários:

  1. Ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah
    (Era só isto)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era precisamente essa a linha seguinte, se eu tivesse escrito mais uma linha para momento pós-chamada.

      Eliminar
  2. Foda-se, GOLD. Dá para dizer vernáculo? Não? Epá, este mereceu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dar, não dá, mas certamente que os nossos advogados chegarão a algum tipo de acordo.

      Eliminar
  3. Conheço o estilo eheheh... eu comprei um bilhete para hoje, para os Green Day... estou triste como a noite... eu apostei que ia, mas não foi de todo possível... á máinóva soube-lhe a pato e eu fiquei a ver navios... raio de vida... ah, isto afinal para contar que assim que souberam que eu não iria ter horário para poder usufruir do meu bilhetinho, os "cravas" vieram todos ao ataque...

    ResponderEliminar
  4. ó vizinho, se calhar encontramo-nos lá, como vai pouca gente e o espaço é pequeno, pode ser que nos vejamos. Mas juro que nao te cravo bilhetes... ;)

    ResponderEliminar
  5. p quem têm acesso a família organizadora, nunca, repito, nunca sequer aceitei nenhuma borla. afinal tudo isto têm custos. talvez por isso, ao contraria de muitas marias cravas, estas amizades que vêm dos tempos antes dá popularidade ainda duram.

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.