22.6.13

Pantera Negra, o da Marvel e não o do Benfica


Aqui há tempos prometi uma espécie de guia de super heróis para quem não é super anormal. Eis o que precisam de saber sobre este senhor, se um dia forem apanhados por um band de geeks do género que ameacem despentear-vos se não souberem do assunto.



Nasceu em Wakanda (não confundir com Zamunda, reino do James Earl Jones e do Eddie Murphy) e aquilo é uma espécie de reino secreto que toda a gente conhece. Foi o primeiro super herói black mais mainstream, se não tivermos em conta o Nelson Mandela. Lá na terra dele há um metal daqueles que a Marvel produz mais que a loja do chinês, chamado vibranium, mas os poderes dele têm a ver com a ligação ao deus-pantera. Veste de cabedal negro, uma escolha algo estranha para quem faz a vidinha na savana de África.

Tal como a filha do Eusébio, tem curso superior, só que o dele é em Física e não em Alucinação Paranormal. Devido ao facto de ser líder da sua nação, pode dizer-se que o seu alter ego, T’Challa, também tem tachos políticos. É um mano com olho para as gajas, tanto que sacou a Storm dos X-Men, também ela africana de gema.




Não tem propriamente mega poderes espectaculares e teve o azar de, em Portugal, ter havido um craque da bola com a mesma alcunha. Ainda hoje, quando combate vilões, tem de ouvir muitas vezes piadolas como “Olha que eu não sou a Coreia do Norte para me derrotares facilmente” ou “Ouvi dizer que transformaste o Homem-Tremoço em marisco”.

No próximo episódio: Cristal (Dazzler no original), tem nome de champanhe e acompanhante de luxo, mas uma heroína boa para se dar música.

 Ok, isto era desnecessário, foi só para definir até que ponto é normal gostar de super heróis.

 

3 comentários:

  1. Podia ser pior, podia ser O Leão Verde e ter como único poder a capacidade de ganhar jogos de futsal.

    E cem pontos pela referência a Zamunda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Coming to America é o melhor filme do Eddie Murphy. E o único que devia existir com ele a interpretar múltiplos personagens.

      Eliminar
  2. Muito bom. Acho que de vez em quando ele também metia umas ervas (em forma de coração O_o), que lhe davam poderes extra. Mas posso estar a fazer confusão, er... com outras coisas.

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.