20.9.11

A causa dos mitras do Metro

Fazem-se muitas campanhas de cariz humanitário e social em que 1 Euro pode fazer a diferença, em que um pacote de arroz pode ajudar muita gente e que um click aqui, ali ou acolá pode contribuir de forma importante para melhora a vida de uma pessoa, de um animal ou de uma causa.

Já contribuí para muitas delas, de uma forma ou de outra e dispensando o rótulo do bom samaritano. É simplesmente a diferença entre poder ou não poder.

Quero no entanto apelar para uma causa diferente. Aquela que consiste em entalar mitras no metro, aqueles tipos/as que se colam a ti no acesso aos torniquetes, para passarem junto em estilo tango quando se vê a luzinha verde do teu passe acender. Por cada um que fica entalado, que olhas para trás e ele desiste, que há uma troca de palavras azedas e o artista se fica do lado de lá, confesso que fico satisfeito. Aliás, confesso até que no caso do entalanço nas portas, fico deveras satisfeito.

Por isso, por cada vez que tenham entalado um mitra no Metro e por cada vez que venham a entalar mais outro haverá uma criança que sorri. Eu.

4 comentários:

  1. Amei!!! Finalmente uma causa que sou bem capaz de aderir com muito afinco ;-)

    ResponderEliminar
  2. Mak és grande :D

    T.L.

    ResponderEliminar
  3. Sabes que eu faço exactamente o mesmo? E quando pressinto que vem um mitra colado para passar, passo eu e páro logo depois das portas até que elas se fechem. Já ouvi das boas mas também já dei umas belas gargalhadas.

    ResponderEliminar
  4. Sim, também já me auto-instalei o anti-vírus-mitra!

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.