23.7.10

Chamem-me nomes

Pensem nisto como uma época de saldos - Até às 11.11 desta manhã, chamem-me os nomes que entenderem.

Peço apenas que sejam originais. É que se for só para dizer baboseiras e lugares comuns, eu chego perfeitamente.
Caso sejam tímidos ou tenham deixado a criatividade ir de fim de semana prolongado, inspirem-se aqui.


Não existirão retaliações, nem provocações infantis, até porque quem diz é quem é.

9 comentários:

  1. A partir daqui, o insulto já não é gratuito.

    ResponderEliminar
  2. vou ter de pagar a partir daqui? aceitas cheques ó meu granda Escherichia coli recheado com Staphylococcus aureus, que apanhou Chlamydia trachomatis com uma senhora da vida que era uma alegre portadora de pediculosis pubis.

    ResponderEliminar
  3. Parasitar alguém conhecido "Não bacilo perante tais barbaridades".

    ResponderEliminar
  4. oohhhh, cheguei tarde. Tinha uns nomes tão bons. :) Paciência

    ResponderEliminar
  5. essa (para)sitação pareceu-me bastante virusímil... retiro-me com sentido pedido de desculpas.

    ResponderEliminar
  6. Seu, seu, seu....MONTE DE COCÓ!

    ResponderEliminar
  7. "..até porque quem diz é quem é"

    Que fofinho *-*

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.