23.7.10

A boleia

- Vais para onde?

A voz dele era sumida, como se fosse um preciso uma força épica para dizer algo tão trivial. O seu carro era como ele, inassumido, longe das bombas de alta cilindrada, dos carros cool e daquelas latas pitorescas que percorrem as nossas estradas. Ainda assim, havia algo, um apelo misterioso, como se houvesse algo mais para descobrir, para além do que era visível.

- Vou para baixo, para sul. Ando atrás do Verão, mas ele não pára quieto.

A frase saíra-lhe mais sorridente do que pretendia e sentiu as suas mãos apertarem o seu saco de mão florido, gasto de tanta utilização, em busca de uma segurança palpável.
Encostada à janela, teve o cuidado de não se debruçar demais, para não parecer demasiado provocante. Ele também não parecia deslumbrado, olhando agora frente, com os dedos a bater no volante, ao som de uma qualquer música moderna, em que alguém repetia “Girl I love you, but your loving has gone forever”.

- Vais para os festivais e essas cenas?

O desinteresse foi cortado por um olhar na sua direcção e uma espécie de sorriso por detrás dos óculos escuros.

- Logo vejo, talvez… E tu, também vais nesse sentido?

Sorriu mais abertamente. Tinha os dentes certinhos.

- Agora podia falar sobre o sentido da vida e passar por filósofo. Mas caga nisso, está um calor que não se pode. Se queres boleia, vamos nessa.

“Gonna miss you but your love has gone forever”.

Havia ali algo que ela não compreendia, mas sorriu e entrou no carro. Apertou o saco com mais força e sentiu-a lá dentro, o que a sossegou um pouco. Logo se via no que ia dar a viagem. Aquela velha e fiável faca de mato garantia que, caso ele se tornasse complicado, lhe podia fazer o mesmo que aos outros três.

Se bem que com aquele calor insuportável se tornava difícil cortar gajos aos bocadinhos.

12 comentários:

  1. You are a sick sick man! :O

    ResponderEliminar
  2. Um bocadinho, mas até tenho um ar saudável e tudo.

    ResponderEliminar
  3. :))) muito bom! Nos filmes, os "sick men" têm quase todos um ar saudável e até engraçadinho :)

    ResponderEliminar
  4. Está gira a sugestão "gore".

    ResponderEliminar
  5. Está um calor dos diabos e só pensas em churrasco? Come uma saladinha que te faz tão bem...é que comer carne de humano com este calor é muito pesado e pode dar uma congestão.

    ResponderEliminar
  6. Desculpe a liberdade, mas vai ter continuação? Gostaria muito de saber mais sobre a dona do saco de mão florido.

    ResponderEliminar
  7. Gostei!Longe vai o tempo das boleias.

    ResponderEliminar
  8. Uma faca de mato fica sempre a matar dentro da mala de qualquer miúda romântica.

    ResponderEliminar
  9. E aposto que os outros três mereceram!

    ResponderEliminar
  10. Por norma, é a imaginação das pessoas que faz o resto. Eu sou apenas o incendiário... :)

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.