26.2.10

Os homens e a dança

Não resisto a colocar este vídeo, depois de o ter recomendado ainda há poucos dias. Mostra que há gente que nasce com o ritmo dentro de si. Não se iludam, por cada um desses, há 20 que nasceram com 10 baldes de cimento e juntas sem óleo.

Mas, para além de quem se dedique profissionalmente à dança, acho que esta deve ser incentivada junto da população masculina, na qual me incluo. Nem que seja pelo espectáculo à parte que pode constituir um homem a dançar.

Se se portarem bem, este fim de semana vou ilustrar-vos alguns dos estilos de homens dançantes que podem encontrar nas pistas e salões de dança por esse mundo fora.

Infelizmente, nem todos podem ser como eu. Um Fred Astaire de trazer por casa, um grau 10 de intensidade na escala de James Brown, um Nijinsky mas com testosterona ou então...
...um aldrabão com muito boa pinta.

6 comentários:

  1. Pronto, como bem comportada que sou, fico então à espera dos ditos estilos de homens dançantes.

    ResponderEliminar
  2. boa boa! gosto de homens que gostem e saibam dançar!

    ResponderEliminar
  3. vê se metes aí um hip hop zinho, estilo locking!

    ResponderEliminar
  4. Estroboscópico...

    Foi assim que fiquei...

    Xxxiiiiii...Meus Deus....

    ResponderEliminar
  5. Eu faço por aldrabar com pinta.
    E mini-saia.

    ResponderEliminar
  6. aconselho-te a ires votar no meu blogue e a fazeres publicidade como se a tua vida disso dependesse ou então... passas a ser só Mau e deixas de ser Mak.

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.