26.11.09

Posologia moderna



Existem mentes simplistas que defendem que a posologia é apenas uma indicação sobre a forma de administrar medicamentos. Se quiserem continuar a acreditar nisso e a ter medo de conduzir maquinaria pesada, por mim tudo bem, mas o meu caterpillar não guiam.
No meu entender, a posologia é das poucas coisas boas que as farmacêuticas nos dão sem efeitos secundários. Aliás, acredito que, a par da Filosofia, da Antropologia ou da Sociologia, a Posologia também devia ser uma ciência ligada ao ser humano. Ou então um folheto individual com imensa piada

Então meu, já a abusar dos charros de azevinho antes da época? Calma, jovens adeptos do paintball nudista, eu explico. A posologia devia ser utilizada não apenas de forma redutora com comprimidos e antibióticos, mas também com pessoas. Facilitava a vida a muita gente, evitava muitas confusões e provava que eu não sou tão parvo como parece.

Exemplo

Mak
Concentrado de raiz de idiotice e folha de graçola.

Indicações
Óptimo para nos sentirmos menos alucinados por comparação. Ideal para quem precisa de um tónico de piadas e dizeres de categoria duvidosa.

Dosagem
Aturar de longe em longe, para não enjoar.

Recomendações
Não entre em duelos de piadas, sob o efeito de Mak. Não diga que nunca perdeu ao Trivial Pursuit, não tente usar palavras caras e recorrer a humor boçal, pois isso faz mal à saúde de Mak

Contra Indicações
Pode dar vontade de passar por cima dele ao volante de maquinaria pesada e tentar gracejos com o tema grávidas em período de amamentação. Poderá causar riso forçado e uma sensação de alívio, produzida por saber que ainda há gente mais estranha do que nós.

Validade
Pouca, tal como a das suas teorias.


E pronto, agora só faltam vocês e estamos todos a ocntribuir para um mundo melhor.

2 comentários:

  1. Parabéns pelo blogue e por um momento de humor muito bem escrito.

    ResponderEliminar
  2. Eu acho a saqueta engraçadinha...

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.