8.5.07

Paradoxo a quanto obrigas

É impressão minha ou em termos de novelas e revistas, a Rosa do Canto já está há muito tempo no meio?

8 comentários:

  1. :D

    Isso podia ir para o "Ironia do Destino".

    E eu até gosto da senhora, tenho pena é de nunca a ter visto num papel em não fizesse de pobrezinha!

    ResponderEliminar
  2. É como a são José Lapa, que não desgruda...

    ResponderEliminar
  3. Ou o Rogério Samora, que participou em todos os filmes portugueses desde 1984...;)

    ResponderEliminar
  4. A São José Lapa, passou a Estrela.
    Não percebo a piada do Rogério Samora... Aceitam-se explicações

    ResponderEliminar
  5. Creio que será apenas a constatação de um facto cara cuga, tal como dizer a fase do Rao Kyao ter barba já tem barbas.

    ResponderEliminar
  6. Na minha opinião não se pode colocar no mesmo saco a Rosa do Canto, a São José Lapa e o Rogério Samora.
    A Rosa do Canto é muito fraquinha. Como aqui alguém já disse, os únicos papéis que conseguiu fazer mal, foi de pobrezinha. :-D
    A São José Lapa além de ser uma mulher lindíssima, sempre foi uma excelente actriz. E o Rogério Samora é o Rogério Samora. Excelente actor e um homem muito interessante. Um bocadinho maluco. Mas muiito interessante.:-D

    ResponderEliminar
  7. há o ironia do destino, o perguntar não ofende e o mak...


    (o rogério samora, um bocadinho maluco???)

    ResponderEliminar
  8. Estou a ver que tenho que me esforçar mais, há ainda quem me leve a sério... ;)

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.