29.3.07

O trocadilho é uma faca de dois legumes

Tal como respirar, dançar polka ou assoar-me às mangas da camisola, trocadilhar é algo que faz parte do meu ser. Não consigo evitar, sai-me naturalmente e é válido 24 horas por dia, sete dias por semana, 365 (ou 366) dias por ano e outros formatos de data que não se enquadrem no calendário juliano.
O que me deixa descansado é que eu não faço do trocadilho um concurso de popularidade, pelo que não fico triste quando depois de mais uma bojarda, só se ouve uma sonora gargalhada (por sinal a minha). Não quer dizer que não aprecie encontrar jovens sofredores do mesmo mal e encetar conversas das quais as pessoas mais lúcidas fugiriam a sete pés.
Se és adepto do trocadilho sabes certamente ao que me refiro, cada sequência de trocadilhos encadeados traz a mesma satisfação que um membro do PNR teria ao fechar 50 emigrantes num contentor de carga ou a fazer 200 telefonemas a votar no profeta de Santa Comba Dão.
Como já referi, não me afecta o repertório e compreendo perfeitamente que haja quem não tenha queda para o trocadilho, nem sequer paciência para os compreender (os que são passíveis de ser compreendidos). No entanto, entristece-me o sucesso do humor boçal, da bojarda que entra a ferros, da grosseria mascarada de piada, enfim do facilitismo humorístico.
Por isso, nem que seja uma vez por dia, se não és trocadilheiro e me estás a ler, saca um dichote rebuscado do baú e di-lo sem medos em voz alta. Pode não servir de nada para aumentar a tua popularidade, mas se a coisa correr mal, sempre podes dizer que a culpa é de um gajo que tem um blog com a mania que é engraçado (aproveitas e dás o link, para se sacar mais um visitante).
É que a culpa pode não morrer solteira, mas ninguém disse nada sobre ir divorciada.

9 comentários:

  1. Pode mesmo morrer viúva, o que é menos trágico. (Foi fraco, mas não consigo melhor, desculpem)

    ResponderEliminar
  2. Trocadilheiro é no minimo....



    Fantastico.

    ResponderEliminar
  3. Gosto mto do trocadilho. O trocadilho é uma forma singular de aproveitar o sentido duplo...

    ResponderEliminar
  4. os trocadilhos são engraçados... À custa deles o fernando mendes vai fazendo o seu programa da tv... o senhor diz mais trocadilhos do que a elsa raposo troca de namorado

    ResponderEliminar
  5. eu não vejo é o meu link ali ao lado, como quem me visita vê o teu.
    mas isso deve ser por ter comprado, na semana passada, uns óculos que me custaram os olhos da cara...

    ResponderEliminar
  6. Também tenho horror a humor estilo Fernando Rocha, no primeiro mês tem piada depois é nojento.
    Tu tens piada daqui a 1mês és capaz de ficar nojento :p

    ResponderEliminar
  7. Como diria uma amiga minha, célebre trocadilheira "as minhas piadas são como os gases,tenho mesmo que as libertar!". Faço delas as minhas palavras e passo para o meu pai também, um trocadilheiro desde pequeno.
    E que tal instituir o dia do trocadinheiro?

    ResponderEliminar
  8. Dia do Trocadinheiro parece-me até melhor que trocadilheiro. Eu, por exemplo, troco uma moeda de 2 cêntimos por uma nota de cem euros, o dia pode-se combinar depois. Alguém alinha?

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.