2.11.06

Vida de tempo



Muita gente se preocupa com o tempo de vida, com a melhoria da sua qualidade, dos problemas e dilemas que a longevidade (vulgo, os velhos) causa no nosso país e muitos outros assuntos importantes. Mas, como neste espaço o que é importante fica lá fora, aqui abordamos a vida de tempo ou seja, até que ponto o tempo condiciona a vida de cada um.
Sejamos honestos, vivemos obcecados com ele, desde os primórdios do tempo (lá está). Tudo o que fazemos tem inerente o tempo. Há quem tenha tempo para tudo, há quem não tenha tempo para nada, há quem passe o tempo em passatempos, há quem perca tempo a ganhar tempo ou simplesmente a ler este texto.
O facto é que para além do tempo latente, aquele que passamos a fazer coisas sem pensar no tempo, existem inúmeras marcas que o tempo deixa na nossa vida, para não nos esquecermos dele, mas sempre com o ar vago que só tempo tem. “Não achas que já é tempo de cresceres?”, “Já está na hora de começares a trabalhar/de casares/de teres filhos/de assumir a tua homossexualidade/de cortares esse cabelo, etc”. Tudo tem o seu tempo e o tempo toma conta de tudo.
Não querendo percorrer mais estes caminhos filosóficos, que para além de serem uma grande viagem, constituem uma perda de tempo, vamos a uma questão pertinente:

Porque é que, para além de tudo o que nos é imposto pelo tempo ainda há gente que consegue exagerar, como por exemplo as pessoas que jantam sempre às oito porque é hora de jantar, mesmo que não tenham fome ou que vestem camisolões e gorros assim que o calendário marca o fim do Verão, apesar de estarem 23 graus e ser possível aquecer refeições dentro de uma camisola de lã com este tempo?

A resposta pode não ser fácil, mas a razão de ser deste texto é óbvia: falta de tempo para fazer um melhor...

5 comentários:

  1. Lá está. Mais tempo de inspiração. Nada que um bom arroz doce integral não consiga.

    ResponderEliminar
  2. Como estamos de escolha do "Bom"? Não me digas que não tem havido tempo...

    PS:Precisas de mais tempo...e menos espaço para as imagens dos posts...

    ResponderEliminar
  3. Continua a busca, até agora nenhum dos concorrentes conseguiu convencer os nossos corações empedernidos, embora já houvessem esforços de monta (sem piada implícita). Mas, as portas continuam abertas...

    PS - é para tentar fazer valer a máxima da imagem q vale 1000 palavras...

    ResponderEliminar
  4. estas valem mas é mais de 1000 Kb...

    ResponderEliminar
  5. Foi um tempo bem passado aquele em que li esta história sobre o tempo!
    :)

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.