6.2.06

Sprint final

Num desenlace inesperado de uma etapa que já ia longa, o ex-rei do Tour e lenda viva do ciclismo actual, o americano Lance Armstrong e a cantora (termo usado no sentido lato) Sheryl Crow anunciaram o fim da sua relação, revelando no entanto que se mantêm unidos por um sentimento de admiração e respeito mútuo.

No entanto, fontes próximas de Sheryl dizem que o motivo principal se deveu ao facto de, depois da sua retirada, sem os habituais "suplementos vitamínicos" o Lance pura e simplesmente já não tinha pedalada para ela...

Já amigos de Armstrong adiantaram que foi mais fácil ao incansável ciclista vencer a sua batalha contra o cancro do que assistir regularmente aos concertos de Sheryl Crow, algo que mina a saúde de qualquer pessoa...

Enfim, os dois lados de uma história que curiosamente começou com a paixão comum de duas pessoas por bicicletas, mas que acabou com uns patins para cada um.

3 comentários:

  1. Resta saber qual dos dois não tinha pedalada. ;-)
    Um Abraço

    ResponderEliminar
  2. Eu acho que era pelo gosto do homem pelo amarelo. Uma cor horrívellllll!

    ResponderEliminar
  3. Patins? Eu mando-os para Alpiarça. Lá têm a oportunidade de confraternizar e fazer novas amizades.

    ResponderEliminar

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.