13.1.06

A fronha do Tó Pê

Depois da NASA ter considerado na passada semana o rosto do Professor Carmona Rodrigues como a réplica mais similar da superfície lunar, o nosso blog quis saber quais as condições que propiciaram essa ocorrência. Pois bem, há muitos anos atrás Carmona Rodrigues era apenas mais um jovem como muitos outros que tinha uma grande paixão pela prática do rugby. Praticou-o e ensinou-o aos mais novos durante muitos anos no CDUL, clube da sua predilecção, numa altura em que respondia apenas pelo nome de Tó Pê. Embora muitas pessoas pensem que aquelas crateras ideais para a alunagem que ele ostenta no trombil sejam causadas por um acne persistente que não o larga desda a puberdade, nós concluímos que afinal não é bem assim. O Tó Pê nunca teve acne. Quanto muito um ou outro herpes labial de tempos a tempos. A razão do estado lastimoso do rosto de Tó Pê deve-se ao facto de ele ser um altruísta por natureza. Aquando das partidas de rugby, sempre que era complicado apoiar a bola para a marcação dos pontapés de ensaio devido ao mau estado do terreno, era o entusiasta do Tó Pê que colocava o apoio nos dentes de forma a facilitar o pontapear da bola pelos colegas e adversários. Ora, é lógico que aquilo nem sempre corria bem e ele levou muitos, mas muitos, biqueiros no focinho. Abaixo podemos vislumbrar uma foto da época em que as marcas já eram visíveis no rosto do Tó Pê:

Image hosted by Photobucket.com

E aqui temos uma fotografia de um recente jogo de veteranos, em que o Prof. Carmona Rodrigues continua a demonstrar que não perdeu nem um pouco de altruísmo:

Image hosted by Photobucket.com

Foi mais uma grande investigação de fundo da nossa equipa.

1 comentário:

Se vais dizer alguma coisa, escreve, não fiques para aí a olhar.